Rio só recicla 1,9% do seu lixo

October 10, 2017

Números mostram ociosidade nos sistemas de coleta seletiva e triagem em grandes cidades.

 

Estudos mostram que uma cidade tem, em média, de 30% a 40% de seus resíduos com potencial para a reciclagem.

 

As maiores cidades brasileira tem metas para crescimento da reciclagem nos próximos anos, porém, no Rio, apenas 1,9% de todo o seu lixo é destinado à reciclagem. Em São Paulo, a proporção é de 2,5%. Em Brasília cerca de 5,9% do lixo total passam pela coleta seletiva.

 

Há ainda outro indicador de que o ciclo não está funcionando a todo vapor: a ociosidade nas centrais de triagem (CTs), locais normalmente conduzidos por cooperativas onde, de fato, a reciclagem acontece.

 

No Rio, as duas centrais de triagem que recebem resíduos — além de outras 24 cooperativas, cujos dados, porém, não são centralizados pela prefeitura — processaram em janeiro cerca de 25% do volume que têm capacidade para reciclar.

 

A CT de Bangu pode reciclar 30 toneladas por dia, mas recebeu 5,67 toneladas diárias em janeiro, volume muito abaixo do seu potencial.

 Já a CT de Irajá tem capacidade para reciclar 20 toneladas, mas recebeu apenas 6,29 toneladas em janeiro.

 

Fonte: https://oglobo.globo.com/sociedade/sustentabilidade/no-rio-apenas-19-do-lixo-reciclado-21202718

Please reload